4 benefícios do seguro de vida que você não conhecia

4 benefícios do seguro de vida que você não conhecia

O seguro de vida é uma preocupação e um cuidado com aqueles que dependem financeiramente de você. É indicado, sobretudo, para pais com filhos pequenos, mas também para aqueles que querem garantir uma vida digna a outrem, caso venham a faltar.

Se você tem dúvidas quanto a fazer um, com este post nós vamos mostrar alguns benefícios do seguro de vida que você não conhecia. Veremos quais são as vantagens de se adotar esse gesto de carinho e cuidado com seus entes queridos.

Então, continue lendo e tire suas conclusões.

1. Não é inventariado

Durante o trâmite do processo de inventário, os bens do falecido ficam sob a responsabilidade do inventariante. Ele, no entanto, não pode se desfazer desses bens nem acessar as contas bancárias, salvo autorização do juízo.

Nesse sentido, ao longo desse processo, que pode durar meses ou anos, os herdeiros ficam desprotegidos financeiramente.

O seguro de vida, contudo, não integra o inventário, pois não se trata de herança. Em geral, 30 dias após o acionamento da seguradora, com apresentação dos documentos necessários, a indenização é paga diretamente aos beneficiários, sem passar por inventário ou por outro processo judicial.

Assim, o seguro de vida é um apoio financeiro imediato para a família.

2. Não há incidência de impostos

Ao longo do inventário, o espólio deve fazer o pagamento do ITCD (imposto sobre transmissão causa mortis e doação) sobre os bens inventariados para que possam ser transferidos aos herdeiros. Ao se tornarem proprietários desses bens, por sua vez, os herdeiros precisam declará-los no imposto de renda e precisam recolher o valor devido se restar configurado o ganho de capital.

Esses impostos, no entanto, também não incidem sobre o seguro de vida. Dessa forma, para receber a indenização não há taxações sobre ITCD. E, embora precise ser declarado no imposto de renda o valor recebido a título de indenização, não há recolhimento do imposto sobre ele, uma vez que se trata de valor isento.

Seus beneficiários, portanto, vão receber a indenização no seu valor integral, pois não haverá incidência de ITCD nem de IR.

3. Você escolhe os beneficiários

A lei garante a livre indicação dos beneficiários. Assim, embora seja mais comum contemplar cônjuge e filhos, você pode comprar a apólice de seguro de vida e nomear beneficiária a pessoa que você quiser.

Se desejar indicar mais de um beneficiário, você tem a opção de fazer mais de um seguro de vida. Pode, também, fazer um único seguro com mais de um beneficiário, situação em que a indenização será dividida igualmente entre todos os nomeados na apólice.

É importante saber que, se você fizer um seguro de vida e indicar como beneficiário apenas um filho, somente este vai receber a indenização. Ainda que você tenha outros filhos, não haverá divisão do valor recebido.

A indenização do seguro de vida, portanto, é nominal à pessoa indicada pelo segurado.

4. Coberturas adicionais podem ser contratadas

A principal cobertura do seguro de vida é em caso de morte, seja natural ou acidental. Contratando essa cobertura principal, você pode requerer itens adicionais, como em caso de invalidez, antecipação especial por doença grave, despesas médicas e hospitalares e muitas outras.

O seguro de vida, portanto, pode se transformar em uma proteção financeira para você e sua família, ainda que aconteçam alguma dessas situações, diferentes do comumente coberto. Nesse contexto, a escolha das cláusulas adicionais pode ser feita de acordo com o seu perfil e com as situações pelas quais você precisaria ser indenizado.

Vale a pena conversar com um bom corretor de seguros e analisar essas coberturas adicionais para que você também fique protegido.

Dessa forma, são significativos os benefícios do seguro de vida, na medida em que garantem a manutenção imediata da condição econômica do beneficiário escolhido por você e no valor integral contratado, já que não há incidência de impostos. Além disso, pode se tornar uma proteção pessoal quando contratadas as coberturas adicionais.

E então, o que achou dos benefícios do seguro de vida? Então continue com a gente e conheça 7 mitos sobre o assunto. Boa leitura!

Gostou do texto?
Receba tudo no seu email! Prometemos não enviar spam!

Confira também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *